Brazil in the UK

Festival de Teatro Latino em Londres destaca espetáculo carioca sobre Samuel Beckett

Esta semana, Londres volta a sediar o festival de teatro latino americano CASA, que retoma suas atividades com nove dias de teatro, música ao vivo, noites de scratch, gastronomia e entretenimento. O país homenageado desta edição será o México, como parte do ano do México no UK. O Brasil será representado pelo novo espetáculo do premiado grupo carioca Café Cachorro, 'OndeNunca Beckett'. A equipe da ElevenCulture.com, com participação especial da atriz e colunista Thais Mennsitieri, estará presente cobrindo os melhores momentos do Festival.

Leia mais:


O festival começa nesta sexta-feira, dia 02, com uma noite de teatro e gastronomia colombiana, no Rich Mix (ingressos a partir de 30 libras, clique aqui). A programação segue até o domingo, dia 11, com espetáculos no Barbican e Rich Mix. Ingressos e horários variados (ver programação completa abaixo). Espetáculos terão legenda em inglês, quando necessário. 

Programação musical 
Os shows e DJ sessions acontecerão sempre no badalado Rich Mix. Entre as atrações estão o CASA Concert com o grupo cubano-britânico Los Ministros de la Habana e ainda a Latin JAM com El Combo Latino. Haverá também uma noite dançante voltada, especialmente, para o público LGBT: EXILIO apresenta LATINOS UNIDOS no CASA; e ainda o DJ residente do festival, DJ Chilango.

Brasil no CASA
'Neverwhere Beckett' ('OndeNunca Beckett') marca a estreia no UK do jovem grupo do Rio de Janeiro, Café Cachorro, que financiou sua vinda ao festival via crowndfunding. “Gostaríamos de AGRADECER IMENSAMENTE a todos aqueles que colaboraram com a nossa Vakinha para levar 'OndeNunca Beckett' a Londres! OBRIGADO MESMO! Cada um de vocês é parte dessa realização tão importante pra nós! Estejam certos que vocês soltaram os CACHORROS!”,comemorou o grupo em post no Facebook.


"Costumamos dizer que Beckett é Beckett. 
É único. E não está inserido em nenhum 
movimento artístico literário", 
resume o grupo. 

Inspirada na vida e obra do escritor Samuel Beckett - em seus textos, peças, novelas, romances, sua biografia -, três brasileiros questionam a existência nesta obra original e eletrizante. “É um universo misterioso de formas que deslizam, objetos que desaparecem e corpos estranhos. É ousado! É ótimo! É excêntrico e maravilhoso!”, garante a produção do festival.


CASA Latin American Theatre Festival

O projeto foi criado em 2007 por Daniel Goldman para preencher uma lacuna que sentia ser necessária. "Enquanto o cinema, música, artes visuais e a literatura latino americanas estavam desfrutando de um grande sucesso no Reino Unido, o teatro de alguma forma foi deixado pra trás. CASA foi criada para mudar isso, para construir pontes entre duas inacreditáveis culturas teatrais, para criar regular oportunidade para o teatro Latino Americano e artistas latino americanos em UK", explica. 

Uma notícia anunciada é que, ao final da edição deste ano, o CASA vai dar uma parada, após 8 anos consecutivos, e só retornará em 2017, quando comemoram seus dez anos, numa edição especial.

CONFIRA A PROGRAMACAO COMPLETA


Friday 2nd October

7.30pm (RM): Festival Opening Night: Montserrat Premiere + Dinner, Music and Q&A Info | Book

_________________________

Saturday 3rd October

11.00am (RM): The Day of Debate: Mexican Theatre and Politics Info

5.00pm (RM): Apart Info | Book

5.30pm (RM): Meet the artists: Lagartijas Tiradas al Sol Info

7.30pm (RM): Montserrat Info | Book

9.30pm (RM): Apart Info | Book

_______________________

Sunday 4th October

4.00pm (RM): Meet the artists: Las Nanas de la Cebolla Info

6.00pm (RM): Nuestra Casa Scratch Night Info | Book

_______________________

Tuesday 6th October

7.45pm (BC): The Love of the Fireflies Info | Book

_______________________

Wednesday 7th October

7.45pm (BC): The Love of the Fireflies Info | Book

_______________________

Thursday 8th October

5.30pm (RM): Meet the artists: Los Guggenheim Info

7.30pm (RM): Neverwhere Beckett Info | Book

7.45pm (RM): Border Mass Info | Book

9.30pm (RM): Neverwhere Beckett Info | Book

9.30pm (RM): Latin Jam Info | Book

_______________________

Friday 9th October

5.30pm (RM): Meet the artists: Gorguz Teatro Info

7.30pm (RM): Neverwhere Beckett Info | Book

7.45pm (RM): Border Mass Info | Book

7.45pm (BC): I’ll melt the snow off a volcano with a match Info | Book

9.30pm (RM): When they disappear Info | Book

9.30pm (RM): CASA Concert Info | Book

_______________________

Saturday 10th October

3.00pm (RM): Workshop – WORK IN REGRESS Info | Book

5.00pm (RM): Border Mass Info | Book

5.30pm (RM): Meet the artists: Café Cachorro Info

7.45pm (BC): I’ll melt the snow off a volcano with a match Info | Book

9.30pm (RM): When they disappear Info | Book

9.30pm (RM): EXILIO – Latinos Unidos Info | Book

_______________________

Sunday 11th October

11.00am (RM): Open CASA Community Day Info

3.45pm (RM): Meet the artists: Colectivo Alebrije Info

7.00pm (RM): Dreamland – Open CASA Community Show Info | Book

 

Mora no Reino Unido? Aproveite a alta da libra para enviar dinheiro ao Brasil

Quem está no Brasil e pretendia viajar para o Reino Unido esse ano, certamente, anda frustrado com a alta da moeda britânica ou com expectativas de gastos reduzidos na viagem. Essa semana a libra esterlina chegou a mais de R$6,00, seguindo a tendência de valorização do dólar sobre o real (que já passa dos R$4,00).

Por outro lado, para os brasileiros que vivem na Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, países que compõem o Reino Unido, e usam a libra (pound) como moeda corrente, é um ótimo momento para enviar dinheiro para o Brasil e aproveitar as vantagens do câmbio.

Como opção alternativa aos bancos, que costumam cobrar taxas altas de juros sobre o câmbio, você pode usar plataformas online como o TransferWise, que fazem transferência de libras para reais, usando contas bancárias, de modo rápido e sem burocracia (a primeira remessa é livre de taxas).

Outra opção são as lojas da Western Union, que você pode encontrar espalhadas por todo país, e oferecem a opção de envio de libras em cash, além de cartão de crédito e débito. Necessária apresentação de documento com foto (passaporte) para não europeus e ID para quem tem dupla nacionalidade.

 

Boogarins solta single e anuncia turnê europeia de lançamento do álbum Manual

Depois de um primeiro semestre recheado com shows brasileiros de pop, rock, Rap e MPB, com destaque para as passagens de Marcelo D2, Criolo, O Rappa, Joyce, Emicida, Ed Motta, Dona Onete, Lucas Santtana e Rodrigo Amarante, entre outros, começam a chegar as confirmações da vinda de mais artistas brazucas, para compor a temporada Outono/Inverno em Londres.

Leia também:


Nesta semana destacamos, aqui na Eleven, a confirmação de dois shows de Os Mutantes, no Village Underground, em Novembro. E agora a banda-discípula dos tropicalistas, os psicodélicos Boogarins, também anunciam retorno à capital britânica, dia 29 de outubro, no The Old Blue Last, no efervescente bairro de Shoreditch, em Londres (clique aqui para adquirir ingressos).

"Finalmente. primeiro single do segundo disco dos Boogarins está no ar! E está disponível para download grátis no nosso site", comemora o baterista Benke Ferraz, em seu perfil no Facebook.

Em Londres, eles darão a partida inicial à turnê de lançamento do seu esperado segundo álbum, Manual, que terá 16 shows em território europeu, de Outubro a Novembro. Aquecendo as turbinas, o elogiado grupo goiano lançou essa semana o primeiríssimo single do disco, com a boa faixa 'Avalanche', que você ouve logo abaixo.


A Boogarins foi formada em 2012 pelo guitarrista Benke Ferraz e o vocalista e guitarrista Dinho Almeida, dois amigos de infância, que se juntaram e gravaram o EP As Plantas Que Curam em casa. Depois do lançamento do EP, Boogarins chamou atenção da gravadora Other Music que assinou com o quarteto e em 2013 saiu o primeiro álbum da banda As Plantas Que Curam. Atualmente, também integram o grupo, Raphael Vaz (contrabaixo) e Ynaiã Benthroldo que entrou em 2014 no lugar do baterista Hans Castro.

Em 2014, eles estiverem na Europa, com a turnê "hercúlia" de As Plantas que Curam (50 shows em quatro meses), onde fizeram três shows pelo Reino Unido.  

EUROPE TOUR 2015

Outubro
29 London, The Old Blue Last
30 Eindhoven, The Netherlands Area 51
31 Liege, Belgium Reflektor

Novembro
03 Copenhagen, Denmark Huset Magstræde
04 Oslo, Norway Crossroad
05 Aalborg, Aalborg 1000Fryd
06 Amsterdam, The Netherlands Paradiso
07 Exil Club Zurich, Switzerland
08 Bern, Switzerland Rössli Bar
10 Vevy, Switzerland RKC
11 Piazzola sul Brenta, Italy Shockando Festival
12 Barcelona, Spain Heliogàbal
14 Lisbon, Portugal Musicbox
17 Bordeaux, France Rock School Barley Club
18 Paris, France Le Klub
19 Brussels, Belgium Botanique

:: Boogarins em Londres
Lançamento do álbum Manual
Old Blue Last (39 Gt Eastern Street, London)
Quinta-feira, dia 29 de Outubro às 7pm

 

Brasileiro lança livro ilustrado com 50 dicas para quem quer viajar pelo mundo

O editor do site Canal Londres (parceiro da Eleven), Silvino Ferreira, baiano-pernambucano, radicado em Londres, se uniu ao ilustrador Fernando Luiz, o Fê, conhecido pelos desenhos da coluna do Zé Simão na Folha de S. Paulo. Eles acabam de lançar o e-book “50 dicas de quem viaja para quem vai viajar”, com um guia bem-humorado para quem não vê a hora de fazer as malas e desbravar “esse mundão de meu deus” no exterior. A Eleven bateu um papo com Silvino, confira tudo e saiba como adquirir seu exemplar na entrevista abaixo.

Veja também:


O livro é em formato eletrônico, dividido em 10 capítulos. Os temas são baseados em alguns dos principais interesses da audiência do site, a partir da série Dicas de Viagem, “a mais bem-sucedida das séries do Canal Londres e que está no ar desde 2009”, de acordo com Silvino.

O autor usou a experiência pessoal de viajante para enumerar uma série de dicas que podem ajudar qualquer viajante, seja qual for o motivo da viagem: turismo, trabalho, estudos ou residir fora do Brasil. O livro é escrito na primeira pessoa e busca um tom intimista, como se o autor estivesse numa conversa informal com o leitor.

Entre as dicas estão, por exemplo, situações corriqueiras desde a primeira viagem de avião até assuntos mais complexos como a imigração na Europa.

ENTREVISTA:

Lívia Rangel - Você começou na sociologia, virou redator publicitário, jornalista, entusiasta cultural em Londres e agora escritor. O que ainda falta para você conquistar?

Silvino Ferreira - É, sempre fui de ficar pulando de um galho pro outro, embora tenha tido um longo período como publicitário. Mais de 20 anos. Não cheguei a me tornar um sociólogo, porque abandonei o curso no final do terceiro ano. Não me considero exatamente um jornalista, mas sei que o que faço hoje tem muito de jornalismo. Quanto a escrever, é uma atividade que sempre me acompanhou, a única permanente. Tenho três livros de poesia que são publicações artesanais, que eu mesmo produzi. Estou pensando em lançar um e-book com poemas, em breve. Pra ser bem franco, não considero que conquistei nada e acho que vou ficar sempre no débito.


Lívia - De onde veio a ideia de escrever e-books com dicas para turistas?

Silvino - A ideia vem de conversas e mais conversas com pessoas ligadas, direta e indiretamente, ao Canal Londres (www.canallondres.tv), mas a decisão definiu-se depois de uma conversa com a Juliana Lauletta, que conheci aqui em Londres. O pai dela, Nicolla Lauletta, é um reconhecido produtor de áudio e um velho companheiro dos tempos de publicitário.

Lívia - O tema central é o turismo de brasileiros em Londres. Com o aumento do dólar (e da libra esterlina) e toda essa instabilidade politica e econômica que o Brasil vem vivendo, acha que o turismo internacional será impactado? Batemos todos os recordes de gastos no exterior nos últimos dez anos...

Silvino - Na verdade, o tema central é dicas de viagem em geral, desde como fazer um plano de viagem, até dicas de como encarar a imigração em Londres. Este tema imigração em Londres é o único que é especificamente sobre a cidade. Mesmo assim, são dicas que servem para que o brasileiro aumente as chances de passar pela imigração. É algo que me é muito familiar porque, desde 1995 quando entrei pela primeira vez, como turista, até tirar o passaporte britânico, já passei como estudante, com vistos de trabalho, residência provisório e permanente.

Lívia - As ilustrações do livro estão incríveis. Fala um pouco do trabalho do Fernando Luiz e como foi trabalhar com ele nesse projeto.

Silvino - Eu já conhecia o Fernando Luiz, o Fê, da primeira fase em que ele viveu em Londres. Vivia querendo produzir um vídeo sobre o trabalho dele, mas ele sempre me “enrolava”. Ele foi embora e, no início deste ano, voltou a Londres. Consegui fazer um vídeo com ele, que foi o primeiro a ir ao ar nesta nova fase. Queria abrir com chave de ouro e o Fê é, mais que um ilustrador, um artista. Tem vários livros de literatura infantil publicados e há muitos anos é o ilustrador do José Simão na Folha. O que mais me impressionou nele foi a facilidade para trabalhar em parceria. Ele compra a ideia e se entrega. É super entusiasmado, sempre trazendo grandes ideias pra mesa. Ele enriqueceu muito, muito mesmo, o trabalho. Considero uma honra tê-lo como parceiro nesta empreitada. Sem contar que é um dos maiores fãs do Canal Londres que conheço. Se brincar, ele conhece mais o nosso conteúdo que eu... rs!

Lívia - No início desse ano o Canal Londres passou por uma mudança radical, com lançamento do novo site e da nova identidade visual em uma grande festa brasileira em Londres. A produção/comercialização de livros digitais é parte desse novo plano de negócios?

Silvino - Sim, é também uma tentativa, que espero seja bem sucedida, de criar um modelo de negócios baseado nos interesses da nossa audiência. Já estamos trabalhando em mais 3 projetos. Um deles já está bem adiantado (em breve contaremos por aqui).

Lívia - Quando e como o publico poderá adquirir o livro?
Silvino - Já está disponível, neste link: http://www.canallondres.tv/produto/ebook-50-dicas-de-quem-viaja-para-quem-vai-viajar/


:: Lançamento:

50 dicas de quem viaja para quem vai viajar
Autor: Silvino Ferreira
Ilustrações: Fernando Luiz (Fe)
Amostra grátis: http://goo.gl/LL4U74
Livro completo: http://goo.gl/nCxTQz
Preço sugerido: R$ 19.99
Editora: Canal Londres

Após 9 anos, Os Mutantes estão de volta a Londres; ingressos à venda

9 anos depois de protagonizarem uma noite histórica no Barbican, Os Mutantes atacam novamente com uma turnê pela Europa. Mas dessa vez, sem a presença de Zélia Duncan e Arnaldo Batista, que retomaram suas carreiras solo.

A apresentação dos brasileiros acontece na quarta-feira, dia 18, às 23h30, no concorrido Village Underground, em Shoreditch - casa que esgotou os ingressos esse ano para outra atração do Brasil: o rapper Criolo. Os ingressos já estão à venda (clique aqui) por £19,50. Abertura com o duo Elius Inferno & The Magic Octagram, lançando novo trabalho, e discotecagem do DJ D.Vyzor (SP/UK).

Leia mais:


Em 2006, Londres recebeu uma noite histórica no palco do Barbican Theatre. Era a noite de gravação do CD e DVD ao vivo d'Os Mutantes - o primeiro registro após sua dissolução em 1978, estreando a primeira apresentação do grupo numa mini-turnê pela Inglaterra e EUA. Na ocasião, a cantora e compositora Zélia assumia os vocais, que um dia foram da rainha do BRock Rita Lee, ao lado dos membros fundadores: o guitarrista Sérgio Dias e o compositor (e lenda) Arnaldo, no teclado.

Após a longa pausa dos tropicalistas, Arnaldo lançou discos cultuados, de pouca vendagem, e enfrentou sérios problemas de saúde, esmiuçados no ótimo documentário “Loki”, de Paulo Henrique Fontenelle. Sérgio Dias, por sua vez, se retirou em Nova York tocando com músicos de jazz e rock internacionais, sem muita atenção da mídia brasileira. Rita Lee, como todos sabem, montou a banda de hard rock brasileira Tutti Frutti e depois entrou para o universo pop, ao lado do marido Roberto de Carvalho.

 

A banda é considerada um dos principais grupos do rock brasileiro. Assim como grande parte dos grupos dos anos de 1960, Os Mutantes foram fortemente influenciados por The Beatles e o grupo de rock progressivo Yes, adotando inúmeros elementos musicais da banda britânica. No entanto, os músicos brasileiros eram também mergulhados em sua cultura local, exercendo sua própria criatividade na utilização de feedback, distorção e truques de estúdio de todos os tipos, assim como era feito pelo quarteto de Liverpool e pelo grupo The Beach Boys.

Nesse sentido, os Mutantes foram pioneiros na mescla do rock and roll com elementos musicais e temáticos brasileiros. Outra característica do grupo era a irreverência. Pois como Os Mutantes, passou a existir uma espécie de mistura da música estrangeira com a brasileira e a adição de novas ideias, com doses de experimentalismo, abrindo, assim, o caminho para o hibridismo musical.

Atualmente, Os Mutantes são formados por: Sérgio Dias, único membro original, na voz e guitarra; Ani Cordero, na bateria; Amy Crawford, nos teclados e vocais; Esmeria Bulgari, nos vocais; Vinicius Junqueira, no baixo; e Vitor Trida, guitarra, flauta e violão .

Discografia

  • 1968 –Os Mutantes
  • 1969 – Mutantes
  • 1970 – A Divina Comédia ou Ando Meio Desligado
  • 1971 – Jardim Elétrico
  • 1972 – Mutantes e Seus Cometas no País do Baurets
  • 1974 – Tudo Foi Feito pelo Sol
  • 1992 – O A e o Z (gravado em 1973)
  • 2000 – Tecnicolor (gravado em 1970)
  • 2009 – Haih or Amortecedor
  • 2013 – Fool Metal Jack

Duo Elius Inferno & The Magic Octagram abrem o show no Village Underground:

SERVIÇO:

Os Mutantes em Londres
Abertura: Elius Inferno & The Magic Octagram
Discotecagem: DJ D.vyzor
Onde: Village Underground, Shoreditch, Londres (54 Holywell Lane, EC 2A 3PQ)
Quando: 18 de novembro, às 23:00
Quanto: £ 17,50 (+ booking fees)
Facebook: https://www.facebook.com/events/1625982047674248/
Ingressos: http://www.seetickets.com/event/os-mutantes/village-underground/899010