Thais Mennsitieri

Enquanto a Copa do Mundo acontece no Brasil, Londres é palco de um dos maiores eventos culturais de 2014, o LIFT (Festival Internacional de Teatro de Londres).

Os meses que antecederam a chegada do mundial da FIFA no Brasil, foram marcados por protestos de civis que pediam nas ruas melhorias nos serviços públicos e contra a corrupção e a desigualdade social no país. Pensando nisso, o LIFT, em parceria com o Street Child World Cup, apresentou 'Turfed', um espetáculo que faz um paralelo justamente entre futebol e a vida de jovens sem teto.

O diretor brasileiro Renato Rocha reúne um elenco internacional de jovens com experiências de abandono, dois dos quais inclusive já foram crianças de rua, para abordar de forma poética uma dura realidade que assola não apenas o Brasil, mas o mundo inteiro, incluindo Londres.

Bastidores de 'Turfed':
 

Rocha utiliza a estética e os princípios básicos do futebol como uma analogia ao jogo de sobrevivência dos jovens que moram nas ruas. Depois de um processo intenso de pesquisa e colaboração que utilizou as experiências e os relatos pessoais do elenco, o resultado é um espetáculo honesto mas delicado, que lança perguntas e lida com o público de forma inteligente, deixando espaço para leituras pessoais subjetivas.

Turfed mistura linguagens artísticas (o espetáculo usa elementos do teatro, dança, poesia hip hop e áudio visual), utiliza uma narrativa fragmentada e movimenta o público pelo espaço de forma interessante.

O público entra num enorme depósito e encontra ações isoladas acontecendo simultaneamente, podendo caminhar livremente pelo espaço e escolher o que deseja ver. Aos poucos ações simples se transformam em pequenos solos onde personagens perturbados falam de morte, corpo, abandono e saudade. O público é então literalmente varrido ao meio e a ação toma centro num amplo corredor que logo depois é transformado num enorme campo de futebol.

Assista ao trailer de 'Turfed':

Vale ressaltar a cena onde um menino chuta várias bolas ao gol, uma a uma em ritmo crescente batendo fortemente contra a parede enquanto uma menina canta dentro de uma banheira. Uma ação clara que retrata com simplicidade e poesia o isolamento e a raiva desses jovens. Talvez o maior pecado do espetáculo seja justamente o uso e a troca constante de muitos elementos diferentes.

É no campo de futebol onde as camisas são distribuídas, onde os jovens ganham nome próprio e passam a pertencer a um time, é no campo de futebol que a gente percebe o poder de um trabalho em equipe e a vontade de vencer. Rocha sabe o que deseja falar, mas o que lhe instiga como artista são as múltiplas possibilidades de como a plateia irá receber e entender a sua história. Eu também posso falar sobre 'Turfed', mas a experiência desse espetáculo tem que ser ao vivo e é de cada um.

TURFED acontece em Londres só até o dia 21 de junho, portanto, é bom correr. Para conferir a programação completa dos eventos e espetáculos em cartaz, clique aqui.


*Thais Mennsitieri é atriz, performer e co-fundadora da CACTUS Performance.Art.Collective, além de assinar a coluna de teatro, dança e performance da Eleven Culture.